neonews Portal de notícias e entretenimento

Em ranking de 50 maiores franquias brasileiras, O Boticário fica no topo da lista

A Associação Brasileira de Franchising divulgou o Top das companhias, e a empresa de cosméticos acumula mais de 3 mil filiais


(Reprodução)


Qual é a empresa que mais tem filiais em todo o Brasil? De acordo com a ABF, é a O Boticário. Em ranking lançado na quarta-feira (16), a Associação Brasileira de Franchising liberou as 50 maiores redes franqueadas brasileiras, e O Boticário apareceu no topo da lista. Ao todo, a empresa de perfumes e cosméticos está com 3.652 filiais atualmente.



Foram coletados dados de 2021, e a marca seguiu no topo atingido em 2020. Em relação ao ranking geral, o piso do número de franquias para uma empresa entrar na lista aumentou, pois de acordo com a própria ABF, "as redes não apenas mantiveram, como aceleraram os planos de expansão".


Na lista lançada pela Associação, 21 empresas ranqueadas detém mais de mil unidades em suas redes, e 46 delas são brasileiras. Nisso, 43 nomes listados são sediados na região Sudeste do Brasil.



Mais de corporativo: O que é Costumer Service e Costumer Success? Qual é a importância destes termos?



Logo atrás do O Boticário, a rede Cacau Show está em segundo lugar, com crescimento de mais de 19% no período estudado pela ABF. Em terceiro, vem o McDonald's, em quarto, a Gazin Semijóias (que estreou na lista), e em quinto a Ortobom.



As 10 maiores franquias do país de acordo com a ABF:


  • 1º O Boticário: 3.652 filiais

  • 2º Cacau Show: 2.827 filiais

  • 3º McDonalds: 2.585 filiais

  • 4º Gazin Semijóias: 2.083 filiais

  • 5º Ortobom: 2.078 filiais

  • 6º Pit Stop Skol: 1880 filiais

  • 7º Subway: 1.862 filiais

  • 8º AM/PM: 1.841 filiais

  • 9º Seguralta – Bolsa de Seguros: 1.682 filiais

  • 10º Lubrax: 1.668 filiais


A ABF também levantou que as operações nas chamadas "lojas tradicionais" caíram de 90% para 82% nas redes franqueadas da lista. Nisso, formatos como o home based, as unidades móveis e os quiosques de vendas cresceram de 10% para 18%. Isso aponta, por parte das empresas, uma maior adaptabilidade do setor ao contexto atual pós-pandêmico.


Fonte: ABF



Leia também:

Chefe de futuro do trabalho: Cargo é buscado para lidar com experiências de trabalho híbrido


Se você gosta do mundo dos negócios e procura dicas sobre o assunto, conheça a série de videocasts do neoTalk no canal oficial da neo no YouTube!


Sem Título-1 (1).jpg
versao_branca.png
Conteúdos originais produzidos de ponta a ponta pela vertente de entretenimento construída pela neoCompany que reúne o que há de melhor sobre uma gama de assuntos que com certeza vai te conquistar. Conheça o portal neonews e os neoriginals!