neonews Portal de notícias e entretenimento

Saiba o que é o seguro do PicPay, que protege a carteira digital dos roubos de dados

Serviço foi implementado no Brasil nesta semana, e companhia está cada vez mais perto de criar um "super app"



(Reprodução)


Se você utiliza o aplicativo PicPay, a carteira digital realizou nesta semana o lançamento de seu primeiro serviço de seguro. A proteção dentro do aplicativo, feita em parceria com a Kovr Seguradora, poderá ser utilizada para transações comuns ou por PIX, compras usando cartões cadastrados no aplicativo, e para casos de contas invadidas ou possíveis roubos de dados dos usuários. Dessa forma, o PicPay dá mais um passo para se tornar um chamado "super app".


Leia mais: Conheça 4 personalidades da mídia que se tornaram C-Level em empresas



A empresa já oferece em seu marketplace serviços como cartões, créditos e empréstimos; e está no embate contra Magalu e banco Inter, por exemplo, para ser o primeiro super app da América Latina.


O novo seguro do PicPay também cobre pagamentos pelo aplicativo, recargas e saques, sob um custo que vai de R$ 4,90 até R$ 14,90. De acordo com a própria empresa, o seguro inédito é o primeiro do mercado a oferecer a proteção de dados caso haja roubo de informações dos clientes, ou invasões nas contas. A tecnologia funciona 24 horas, e também monitora links e mensagens suspeitas que possam comprometer as contas das pessoas.


Confira: Instagram | Ordem cronológica no feed dos usuários retorna ao app; como ativar?



PicPlay planeja alcançar mais de 60 milhões de usuários, que utilizam os serviços do seu marketplace


A expectativa do PicPay é que os cerca de 60 milhões de clientes da carteira digital tirem proveito do seguro, e que utilizem outros serviços do marketplace oferecido pela marca. Até hoje, o PicPay relata que mais de 12 milhões dos chamados PicPay Cards já foram emitidos para o público, além de R$ 1 bilhão de reais oferecidos em empréstimos dentro do serviço.



O número de usuários da carteira só cresce, e em outubro do ano passado o app já tinha 55 milhões de clientes. O passo dado pela companhia vai a favor da proteção de dados e da cibersegurança do público.


Fonte: LABS



Você pode gostar de:

Como o home office, e seu "fim", pode estar ligado às demissões nas empresas?
Playstation | Companhia divulga preços de novas assinaturas da "Playstation Plus"; confira


Quer ficar por dentro de várias notícias sobre a cultura pop, cinema, séries, um pouco de mistério e muito mais? Acesse o nosso Instagram para ficar por dentro do assunto!

Sem Título-1 (1).jpg
versao_branca.png
Conteúdos originais produzidos de ponta a ponta pela vertente de entretenimento construída pela neoCompany que reúne o que há de melhor sobre uma gama de assuntos que com certeza vai te conquistar. Conheça o portal neonews e os neoriginals!