neonews Portal de notícias e entretenimento

neoPod | Segundo arqueólogo, Stonehenge servia como um calendário na Antiguidade

Misteriosa construção na Inglaterra também poderia ter sido espaço de práticas religiosas por povos antigos


(Unsplash/Reprodução)


Você já ouviu falar do Stonehenge? A estrutura circular composta por pedras de quase cinco metros de altura, datada de centenas de anos, deixa pesquisadores curiosos até hoje a respeito de sua origem. Contudo, um arqueólogo/pesquisador chegou perto de encontrar uma resposta para a existência da construção, que teria ligação direta com a passagem do tempo e sua contagem.


De acordo com Timothy Darvill, o arqueólogo em questão, o Stonehenge teria sido usado na Antiguidade para conferência e contagem do tempo, como um calendário solar. A utilização das pedras como calendário dataria de 2.500 a.C., e os povos da região de Wiltshire (Inglaterra) usariam o espaço para ver a passagem temporal, de dias a meses.


Veja também: Conheça 5 mistérios da Grécia Antiga que ainda não foram desvendados



O estudo de Darvill foi realizado em conjunto de uma equipe de pesquisadores da Universidade de Bournemouth. Na pesquisa, os arqueólogos "remontaram" a posição das pedras de Stonehenge num círculo completo, comparando-as à construção de outros calendários antigos que tinham o mesmo propósito. Nisso, as 30 pedras da estrutura representavam os dias (em média) de um mês, dividido em três semanas de dez dias.


As quatro rochas fora do círculo de Stonehenge seriam usadas periodicamente para a contagem de anos bissextos. Ainda, outras cinco pedras no meio do círculo simbolizariam cinco dias de um mês "extra" no calendário; completando, assim, os 365 dias anuais na conta matemática de meses (12) vezes o número de dias em cada um (30), dando 360 (mais as cinco rochas extras).


Há mais do neoPod para explorar: Dedo gigante? Veja como a descoberta pode estar ligada aos Nephilim


Um esquema do estudo de Bournemouth foi publicado pela revista acadêmica Antiquity. As cinco pedras a mais no centro de Stonehenge formam um "U" quando unidas. Confira:


(Antiquity Journal/Reprodução)



O Stonehenge como espaço de cerimônias religiosas


O calendário solar é um invenção que data de povos do Mediterrâneo de 3000 a.C., e ainda não se sabe como tal criação chegou nas terras inglesas. Apesar do Stonehenge seguir como um grande mistério, mesmo após o estudo de Bournemouth, há a crença de que o espaço era usado para cerimônias religiosas dos grupos locais, influenciados por culturas diferentes das terras da Grã-Bretanha.




Se você quer conhecer mais sobre sociedades secretas, civilizações antigas, História ou até mesmo teorias da conspiração, confira o neoPod! Em formato de videocast e podcast, o programa neoriginal tem tudo para te deixar antenado nesses assuntos.



Confira o episódio mais recente do neoPod logo abaixo:



Quer ficar por dentro de várias notícias sobre a cultura pop, cinema, séries, tecnologia, um pouco de mistério e muito mais? Acesse o nosso Instagram para ficar por dentro do assunto!

Sem Título-1 (1).jpg
versao_branca.png
Conteúdos originais produzidos de ponta a ponta pela vertente de entretenimento construída pela neoCompany que reúne o que há de melhor sobre uma gama de assuntos que com certeza vai te conquistar. Conheça o portal neonews e os neoriginals!